MMG

A premissa inicial deste projeto tem como principal função adaptar a construção existente para receber as exposições concebidas pela museografia. A identificação das modificações sofridas pela edificação ao longo dos anos em função da necessidade de atendimento às distintas demandas da época norteou o projeto, e permitiu evidenciar a frutífera relação entre o antigo e o contemporâneo.

Como o elemento que mais claramente representa a intervenção arquitetônica contemporânea no edifício, o pátio interno recebeu tratamento no sentido de fazê-lo – além de funcionar como um captador de luz natural para grande parte do edifício – funcionar como espaço de articulação entre as salas expositivas, permitindo uma fruição da edificação a partir de diversos pontos de vista.

Autores: Carlos Maia, Débora Vieira Mendes, Eduardo França, Humberto Hermeto e Igor Macedo.

Fotos: Jomar Bragança

  • Instagram
  • Facebook
  • YouTube
  • LinkedIn - círculo cinza
  • Pinterest

2021 - Tetro - Todos os direitos reservados